Músico(s)/banda(s) portuguesas que mais vos têm marcado

Falando de música portuguesa, o que desde sempre acompanhei mais foi o hip-hop e o nascimento do reggae aos poucos e poucos. Cresci a ouvir artistas portugueses sempre com as influências dos meus pais e desde cedo decorei musicas de prestigiados cantores e bandas como Rui Veloso, Xutos e Pontapés e Sérgio Godinho, passando também claro pelo nosso património nacional: o fado, onde escutei artistas e bandas como Carlos do Carmo, Madredeus e também Paulo de Carvalho. Com o avançar da idade fui-me aproximando do hip-hop português, pois sempre achei que é um estilo ou um dos estilos que mais representa o nosso país, e que mais o caracteriza demonstrando o dia-a-dia da sociedade e as nossas raízes, acompanhado sempre pelo fado. Falando nesses dois géneros musicais gosto particularmente quando se cruzam. Em especifico falo de uma música onde gostei imenso da dupla:Boss Ac- Mariza com a musica: “Alguém me ouviu (Mantem-te firme)”.

No mundo do hip-hop português foi Boss AC quem comecei a acompanhar desde o inicio, devido a sua lírica e ao “flow”. Com o avançar do tempo fui-me interessando e querendo explorar outros artistas como Sam The Kid, Valete, destacando-se Allen Halloween como meu preferido no hip-hop português. Na área de eletrónica destaco Buraka Som Sistema e Batida como as minhas bandas de eleição sobretudo devido as suas origens africanas e ao seu ritmo que me deixa inquietante. Na área do Reggae destaco a milhas como gosto pessoal Fredy Locks, para mim um cantor com boas vibrações e uma melodia intensa dos instrumentos de sopro, e da grande vivência na sua viola que o acompanha sempre nas suas musicas. Destaco também a banda Kussondulola, pioneiros no Reggae em Portugal , são bastante entusiásticos nos concertos, colocam o publico numa atmosfera muito positiva e exuberante.

Falando de “jovens em ascensão” na música portuguesa quem acompanho neste momento com mais afinco é um cantor chamado Dillaz, faz hip-hop, vem da chamada nova era do hip-hop: a “nova escola”. Nasceu na Madorna, o seu Rap tanto nas letras como nos beats são excelentes, especialmente a forma como ele “brinca” com as palavras nas suas musicas dando uma vivacidade tremenda as suas canções, com grande liricismo nas mesmas. Aconselho vivamente a quem goste de hip-hop português a dar uma olhadela a este artista.

texto por David Ramos

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s